sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Tou indo...


Sabe-me a regresso. Ponto de partida de viagem sem retorno, embrulho minhas malas com uma sede de novidade. Coloco os sonhos, as imagens e os desejos do lado das meias e da roupa interior, dobro tudo direitinho, para que quando seja necessário desfazer a mala, tudo esteja onde seja necessário. Levo comigo sempre memórias e lugares, pessoas e momentos essências para que os mesmos erros não me assombrem. Passo a mala no controlo de bagagem e dizem-me que tem peso a mais, não tenho dúvidas em relação ao que tenho de retirar, por consequência deixo ficar a negatividade e a tristeza, levo só o que me é essencial, isso e algumas camisolas bem quentes, para o caso de poder passar algum frio numa noite mais ventosa. A viagem afigura-se-me longa, prevejo muitos percalços pelo caminho, da mesma forma que sei que muitas coisas vão estar preenchidas de rosas e facilidades. Nada é por acaso, por sorte levo-me comigo!

2 comentários:

PedroMedina disse...

como aqui é grátis eu comento, pá curti o teu blog ;D e o teu ex-programa no porto canal, vais de vez para o brasil, mas arranjaram-te emprego lá foi?

abraço, passa pelo meu. e boa viagem!

Anónimo disse...

O teu sonho é tao grande que é impossivel não querer caber nele. Vai tudo correr bem, eu sei!!
Boa sorte meu amigo!
Beijinhos
Monica